Destaque: Octávio Paulo Neto passa a atuar na PGR como colaborador

O coordenador do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) na Paraíba, Octávio Paulo Neto foi nomeado para atuar na Procuradoria-Geral da República (PGR). A nomeação designa o Promotor de Justiça do Ministério Público da Paraíba (MPPB) para atuar como Membro Colaborador do Gabinete do Procurador-Geral Augusto Aras.

Conforme a portaria, ele está atuando junto à Secretaria de Perícia, Pesquisa e Análise da PGR. A portaria nº 1.350, de 20 de dezembro de 2019, destaca que a nomeação é “sem prejuízo de suas atribuições no Ministério Público do Estado da Paraíba e com ônus para o Órgão cedente”, ou seja, o procurador permanece desempenhando suas funções à frente do Gaeco no Estado.

A nomeação aconteceu três dias após a deflagração da sétima fase da Operação Calvário, batizada de Juízo Final, que decretou a prisão do ex-governador Ricardo Coutinho (PSB), da deputada estadual Estela Bezerra (PSB), além de outros supostos envolvidos no esquema investigado.

Porém, mesmo sendo datada no dia 20, a portaria só foi publicada na véspera de Natal, no dia 24 de dezembro do ano passado.

Com informações do Blog Anderson Soares

RECOMENDADO PELO GOOGLE:

2 comentário em “Destaque: Octávio Paulo Neto passa a atuar na PGR como colaborador

  1. Me explica um coisa por gentileza Janildo! Com essa nomação, o procurador Otávio Paulo Neto deixa o comando do GAECO e automaticamente se retira da operação CALVÁRIO?

Deixe uma resposta