Câmara aprova MP que acaba com cobrança por bagagem em voos domésticos

Muita gente acompanhou a decisão da Câmara dos deputados que aprovou na noite de ontem a MP que autoriza a participação de até 100% de capital estrangeiro em companhias aéreas brasileiras, mas o que pouca gente viu é que o texto incluiu a proibição na cobrança para despachar a bagagem.

O texto obriga as aéreas a transportarem malas de até 23 quilos em trechos domésticos.

A MP precisa ser votada hoje no Senado ou perde a validade.

RECOMENDADO PELO GOOGLE:

Deixe uma resposta