Conforme antecipamos, Câmara rejeita afastamento de deputado Wilson Santiago

A Câmara dos Deputados não formou maioria nesta quarta-feira a favor do afastamento do deputado Wilson Santiago (PTB-PB), denunciado por corrupção pela Procuradoria-Geral da República (PGR), e, com isso, o petebista retomará seu mandato. Foram apenas 170 votos a favor da decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal Celso de Mello de afasta-lo e 233 contrários. Era necessário o apoio de 257 deputados para mantê-lo suspenso.

A atuação do líder da maioria e conterrâneo de Wilson, Aguinaldo Ribeiro (PP), e do presidente da Câmara, Rodrigo Maia, foram decisivas para manter o parlamentar no mandato.

RECOMENDADO PELO GOOGLE:

Deixe uma resposta