Sanguessugas: Enivaldo Ribeiro é inocentado pelo TRF 5ª Região 13 anos depois

O vice-prefeito de Campina Grande, Enivaldo Ribeiro (PP), foi inocentado na noite desta quarta-feira (16) pela 3ª Turma do Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF 5) no caso que ficou conhecido como o “Escândalo das Sanguessugas”.

Enivaldo Ribeiro (PP)

Segundo o advogado, Rodrigo Farias, que exerceu a defesa de Enivaldo nesta ação, o vice-prefeito foi inocentado de todas as acusações (improbidade e criminal) que pesavam sobre ele. “O próprio Vedoin à época dos fatos revelou que Enivaldo não tinha qualquer relação com o esquema”, esclareceu o advogado.

Enivaldo era por participação em esquema criminoso de desvio de recursos públicos federais que deveriam ter sido destinados à área de Saúde. A Operação Sanguessuga, que foi deflagrada pela Polícia Federal em 2006, desarticulou o esquema criminoso.

Na época investigada, Enivaldo Ribeiro atuava como deputado federal.

O processo contra Enivaldo Ribeiro no âmbito da Operação Sanguessugas subiu para o Tribunal Regional Federal da 5ª Região no ano de 2017, devido ao Foro Privilegiado relacionado ao cargo de vice-prefeito.

Deixe uma resposta