Lula será solto, mas e daí?

Seja através da progressão para o semiaberto ou efeito de decisão do STF, Lula será solto, provavelmente nos próximos dias. Não é preciso ser médium para prever isso… Mas considerando isso um fato, que podemos esperar?

Inicialmente seremos impactados pela celebração da esquerda. Lula será aplaudido, viverá seu grande momento despejando críticas contra a Operação Lava Jato, o Ministro Sérgio Moro, Deltan e toda família Bolsonaro. Chorará em seu discurso ao falar sobre Dona Marisa, dirá que sua honra foi atingida injustamente e que quer aqueles que o acusaram na cadeia. Será uma massacre midiático, com dezenas de entrevistas em que vai dizer que ficou amigo dos Federais em Curitiba, enquanto esteve preso, que leu muito, que rezou, que ouvia as pessoas acampadas e por fim dirá que não queria ser candidato à presidência, mas que foi vítima de uma armação e agora quer…

Haddad, Manu e Gleisi Hoffmann farão discursos afirmando que Lula é elegível e que é preciso derrubar os golpistas. A onda vai durar mais ainda, quando Bolsonaro falará algo extremamente grosseiro em uma entrevista pautando todos os jornais.

Nesse meio tempo juristas vão divergir sobre a aplicabilidade da Lei da Ficha Limpa, enquanto Bolsonaro seguirá enfrentando uma crise atrás da outra com sua bancada na Câmara.

Os dias vão passar… As noites escuras virão. Novas histórias chegarão, a Lava Jato fará novas prisões. Bolsonaro vai se meter em outra crise mundial. Lideranças de Centro vão tentar criar mais uma narrativa fora dos extremos, mas com Lula solto o “bolsonarismo” ganhará fôlego pela “necessidade” do combate aos petistas.

A economia começará a reagir, o governo fará propaganda com os números, outra crise política virá, novas condenações virão a atingir Lula, mas ele continuará solto. O STF continuará com decisões que reforçam a pauta garantista.

Decisões reforçarão que Lula não pode ser candidato. Haddad ou outro nome da esquerda será novamente alçado à condição de “Lula é ele e ele é Lula”. Lula optará por aparecer menos para dar “espaço” ao seu candidato e perderemos 2020, 2021 e parte de 2022 inteiro com essa lenga-lenga. 

O Brasil vai crescer menos que o esperado devido a crise política e independente do vencedor das próximas eleições presidenciais continuaremos tendo na relação Congresso / Palácio do Planalto a raiz de todos os problemas.

Lula solto ou preso faz barulho, mas não joga, infelizmente para os petistas. Será vitaliciamente presidente de honra do PT. Nada mais!

Deixe uma resposta