Veto de Bolsonaro é última esperança contra “vergonhosa” Lei de Abuso de Autoridade

Imagine se o PCC tivesse o poder de fazer leis? Ok, alguns vão dizer que eles já têm este poder, mas digo “oficialmente”, imagine o absurdo que seria! Pois é, no Brasil o combate à corrupção tem como maior obstáculo o trabalho dos corruptos. Roubando? Não! “Legislando”!

“A Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira (14) projeto de lei que define crimes de abuso de autoridade cometidos por agentes públicos dos poderes Judiciário, Executivo e Legislativo, além do Ministério Público, no exercício de suas funções. A proposta, vista nos bastidores como uma reação da classe política a juízes e procuradores do MP, foi aprovada em votação simbólica. Como já passou pelo Senado, o projeto nº 7.596 segue agora para sanção ou veto do presidente da República Jair Bolsonaro.”

A partir da implantação dessa Lei esdrúxula e de interpretação duvidosa passaria a ser crime, por exemplo, um procedimento investigatório ser instaurado sem indícios ou provas, mas como obter provas sem investigar? E mais, quem decidiria se os “indícios” são suficientes ou não para investigar um político? A Lei parece ter sido escrita com o único e exclusivo objetivo de favorecer os corruptos! Além disso, é claro que querem intimidar o Ministério Público.

Cabe agora ao presidente da República, que foi eleito com o argumento de combater a corrupção, se posicionar…

VETA, BOLSONARO!

RECOMENDADO PELO GOOGLE:

Deixe uma resposta