The Intercept sobe o tom, mas perde fôlego

O site The Intercept a cada publicação sobe o tom contra o ministro da Justiça, Sérgio Moro, mas sem encontrar amparo na tão criticada “mídia tradicional” segue o caminho das notícias que são compartilhadas pelo WhatsApp por militantes virtuais, mas não chegam a fixar na cabeça da população. Desta vez a estratégia foi atirar na velha “teoria da conspiração” entre Moro e PSDB. Não prospera!

Digo que não prospera pela percepção clara de que o site aparentemente buscou retaliar o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso que em recente entrevista defendeu Sérgio Moro. Mais que isso, Gleen Greenwald ainda escolheu cuidadosamente a data (18) para acusar a Lava Jato de “fingir” investigar o ex-presidente (aniversário de Fernando Henrique). Soa imparcial como o The Intercept cobra que a Justiça seja?

No fim das contas o site segue sem apresentar absolutamente nenhuma prova da autenticidade dos diálogos e a cada manchete perde mais o prestígio conquistado com as denúncias de Edward Snowden. Falta muito para se comparar ao Wikileaks.

RECOMENDADO PELO GOOGLE:

Deixe uma resposta