Manifestações pressionam Congresso, mas governo queima gordura muito cedo

Em todo Brasil manifestações pró-Bolsonaro e contra o “centrão” cobraram neste domingo (26) a aprovação das reformas, tão aguardadas e responsáveis pela dor de cabeça nos primeiros 5 meses do governo.

De fato, alguns radicais atacaram o STF (Supremo Tribunal Federal) e pediram até o fechamento do Congresso Nacional, mas na sua maioria os manifestantes insistiram na aprovação de uma pauta positiva para o País, recado que dificilmente o Legislativo fingirá que não viu.

A queda de braço com o PT também deu o tom das manifestações e eleitores de Bolsonaro reafirmaram todas as críticas que sempre fizeram aos partidos de esquerda. Já na Paraíba, a Operação Calvário também foi lembrada em alguns discursos.

Não dá pra fugir da certeza de que Bolsonaro passou no teste das ruas, mas não precisava passar por isso tão cedo. Todos o aconselharam a não fazê-lo, no entanto ele chegou ao Planalto justamente sem ouvir ninguém.

RECOMENDADO PELO GOOGLE:

Deixe uma resposta